sexta-feira, 28 de junho de 2019

Ecovia do Vez, até Sistelo (etapa 3)

Alguém está de férias  ("euzinha") e decidiu virar-se para os trilhos esta semana. Já que o verão continua muito envergonhado e não dá para praia, fui fazer outra das coisas que mais adoro: caminhar em comunhão com a Natureza. E a eleita, para uma quinta feira que nos acordou com nevoeiro matinal, foi a terceira etapa da Ecovia do Vez. O percurso tem aproximadamente 32 km, mas nós apenas fizemos 10km, que iniciamos na Ponte Medieval de Vilela e terminámos em Sistelo, conhecida como pequeno Tibete Português e uma das aldeias vencedoras do concurso 7 Maravilhas de Portugal.




 Apesar do nevoeiro matinal, a tarde ficou mais composta e esteve um ótimo tempo para caminhar durante as 3 horas que percorremos este trilho. Não se assustem, íamos sem pressa, sem horas e desfrutamos ao máximo, com paragens para lanches, para descansar, para umas fotografias e para muitas conversas (mulheres juntas dá nisso).













O trilho faz-se bem, com muitas sombras e quase sempre acompanhados pelas águas transparentes do Rio Vez, que em dias de maior calor serão excelentes para um mergulho. 










No final da caminhada, já em Sistelo achamos por bem que seria melhor chamar um táxi, mas que só conseguimos com o telemóvel de um dos moradores, pois por lá nenhuma das nossas operadoras funciona. Depois ficamos a saber que existe um telefone público junto à paragem de autocarro.



Antes do regresso e como eu não estava satisfeita, pois não tinha visto os famosos socalcos, ainda pedi ao simpático taxista se era possível nos levar até ao Miradouro dos Socalcos, o qual respondeu logo que sim e nos levou até lá. Apesar de a hora não ser a melhor, pois o sol não estava na melhor posição, a vista é realmente bonita e é incrível apreciar as obras que o ser humano em comunhão com a Natureza consegue realizar.




Informações: 
- O caminho apresenta subidas/descidas bastante acentuadas e zonas em que o piso são pedregulhos bastante irregulares.
- Pelo caminho cruzámo-nos várias vezes com animais, como por exemplo cobras e sardões (o que, claro, levou a vários gritos e corridas )
- Dificilmente terão rede de telemóvel
- É essencial levar água, comida e calçado confortável


Muito importante: Nunca deixe o seu lixo para trás, não deixe nada além de pegadas.


Sem comentários:

Enviar um comentário